Notícias

“Ser orgânico”: consumir orgânicos é um estilo de vida

Mais do que apenas consumir alimentos orgânicos, ser orgânico é um estilo de vida. É se preocupar com o meio ambiente, com a qualidade dos alimentos consumidos, com a saúde e, economicamente, nas pequenas produções, geralmente familiares. É ter atitudes sustentáveis e entender a importância do impacto do ser humano na natureza durante os últimos séculos. É pensar no futuro e no mundo que as próximas gerações (seu filho, seu neto, bisneto…) vão herdar. Isso é consciência global e ambiental, uma tendência no dia a dia de pessoas esclarecidas, uma questão de filosofia que deve ser levada a sério.

Ser orgânico não é apenas comprar alguns produtos de origem natural, mas sim passar por uma mudança de vida, um processo de adaptação que só trará benefícios: no seu dia a dia, na saúde, na qualidade dos alimentos que você consome. É necessário mudar a mentalidade, evitando tentar encaixar o antigo estilo de vida no novo. Começar de novo, criar novos hábitos. Os industrializados e outros alimentos saem de cena e são substituídos por uma dieta rica em frutas, legumes, verduras, proteínas e grãos orgânicos.

Os alimentos orgânicos são mais nutritivos e não contêm química alguma. Você sabe o que está colocando no seu prato, a procedência de tudo e, então, você entende mais uma vez a importância de ser orgânico. Além disso, tais valores são um manifesto contra as grandes empresas de agrotóxicos, fertilizantes e pesticidas químicos que transformam as plantações em puro veneno. Nadar contra a corrente é um gesto nobre, levando em consideração os motivos por trás disso.

Atualmente, a variedade de produtos orgânicos cresceu e a presença deles nas grandes cidades também. É normal encontrá-los em feiras especializadas, mercados municipais e até em supermercados. Basta se interessar e procurar. Seja orgânico!

Entre em contato conosco!

O meio ambiente – e sua saúde – agradecem!